<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d17907059\x26blogName\x3dVerso+e+Prosa\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dTAN\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://versos-prosa.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://versos-prosa.blogspot.com/\x26vt\x3d-6484013593909643845', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script><!-- --><div id="flagi" style="visibility:hidden; position:absolute;" onmouseover="showDrop()" onmouseout="hideDrop()"><div id="flagtop"></div><div id="top-filler"></div><div id="flagi-body">Notify Blogger about objectionable content.<br /><a href="http://help.blogger.com/bin/answer.py?answer=1200"> What does this mean? </a> </div></div><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a><form id="b-search" name="b-search" action="http://search.blogger.com/"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a id="flagButton" style="display:none;" href="javascript:toggleFlag();" onmouseover="showDrop()" onmouseout="hideDrop()"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/flag.gif" name="flag" alt="Flag Blog" width="55" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="as_q" /><input type="hidden" name="ie" value="ISO-8859-1" /><input type="hidden" name="ui" value="blg" /><input type="hidden" name="bl_url" value="alemdaspalavras.blogspot.com" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_search_this.gif" alt="Search This Blog" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google Blog Search" onclick="document.forms['b-search'].bl_url.value='alemdaspalavras.blogspot.com'" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_search_all.gif" alt="Search All Blogs" value="Search" id="b-searchallbtn" title="Search all blogs with Google Blog Search" onclick="document.forms['b-search'].bl_url.value=''" /><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- var ID = 15148318;var HATE_INTERSTITIAL_COOKIE_NAME = 'dismissedInterstitial';var FLAG_COOKIE_NAME = 'flaggedBlog';var FLAG_BLOG_URL = 'http://www.blogger.com/flag-blog.g?nav=2&toFlag=' + ID;var UNFLAG_BLOG_URL = 'http://www.blogger.com/unflag-blog.g?nav=2&toFlag=' + ID;var FLAG_IMAGE_URL = 'http://www.blogger.com/img/navbar/2/flag.gif';var UNFLAG_IMAGE_URL = 'http://www.blogger.com/img/navbar/2/unflag.gif';var ncHasFlagged = false;var servletTarget = new Image(); function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} function blogspotInit() {initFlag();} function hasFlagged() {return getCookie(FLAG_COOKIE_NAME) || ncHasFlagged;} function toggleFlag() {var date = new Date();var id = 15148318;if (hasFlagged()) {removeCookie(FLAG_COOKIE_NAME);servletTarget.src = UNFLAG_BLOG_URL + '&d=' + date.getTime();document.images['flag'].src = FLAG_IMAGE_URL;ncHasFlagged = false;} else { setBlogspotCookie(FLAG_COOKIE_NAME, 'true');servletTarget.src = FLAG_BLOG_URL + '&d=' + date.getTime();document.images['flag'].src = UNFLAG_IMAGE_URL;ncHasFlagged = true;}} function initFlag() {document.getElementById('flagButton').style.display = 'inline';if (hasFlagged()) {document.images['flag'].src = UNFLAG_IMAGE_URL;} else {document.images['flag'].src = FLAG_IMAGE_URL;}} function showDrop() {if (!hasFlagged()) {document.getElementById('flagi').style.visibility = 'visible';}} function hideDrop() {document.getElementById('flagi').style.visibility = 'hidden';} function setBlogspotCookie(name, val) {var expire = new Date((new Date()).getTime() + 5 * 24 * 60 * 60 * 1000);var path = '/';setCookie(name, val, null, expire, path, null);} function removeCookie(name){var expire = new Date((new Date()).getTime() - 1000); setCookie(name,'',null,expire,'/',null);} --></script><script type="text/javascript"> blogspotInit();</script><div id="space-for-ie"></div>
Verso e Prosa: Abril 2006

Aguardem...
Livro de Teresa Cordioli

 

Nome: Teresa Cordioli

 

E-mail: teresacordioli@poetic.com

Signo: Escorpião

Data de Nasc.: 15-11

Cor Preferida: Azul/amarelo

Uma Pedra: Ametista

Comida: Massas /peixes/arroz e feijão....

Hobby: escrever/pintar

Detesta:
Falsidade, Cinismo e Mentira

Adora: Verdade

Religião: Cristã

Uma Preocupação
: Muitas

Uma Saudade:
  Todas


Regra da Vida: " Fazer o que a mim compete, e o que compete aos outros se necessário ajuda-los"

Um Amigo: Meus filhos...

Uma mania: Preocupar-se sem necessidade

Uma Frase: " Te amo "

Descontração: Contemplar o pôr do Sol, ou o nascer da Lua.... contar estrelas...ouvir o  canto dos pássaros, flores....uma boa música....

Uma Lembrança: (4) o nascimento de meus filhos e de meu amor.....

Um Sonho: Aquele que eu ainda não sonhei....

Biografia: três filhos e duas netas.....

Sou muito alegre, divertida e amiga, sou apaixonada por DEUS, e pelo meu JESUS, sou conhecida como uma mulher de muita Fé. E sou....
Esse meu jeito de quem enfeita a vida em seu trajeto, de quem aceita a todos no peito aberto, é verdadeiro. É o jeito de quem aprendeu a amar bem cedo e a conhecer Deus em cada trejeito. Sou assim, essa que não sabe passar em vão pelos irmãos em vida, pois sabe que da vida nada mais se leva do que o que se viveu. Sou essa mulher sensível e também de coragem e força, que dá e cobra respeito, valor fundamental e tão esquecido, ignorado nesses dias.
Bacharel em Direito pela Universidade Metodista de Piracicaba, UNIMEP, em julho de 2004, e posso com certeza afirmar que esta foi a melhor poesia que escrevi na minha vida.

Participação em vários livros... mas nenhum que posso chama-lo de meu...

O resto está escrito em minhas poesias....
 



E-mail






Sergio Endrigo - Teresa


 Reloginho




 Link Me
 







 Blogs Amigos

Teresa Cordioli

Blog
Blog
Blog
Blog
Blog
Blog


 Passado


 

Créditos



AMOR
.
Amor
Não vá embora outra vez...
Porque aqui é teu lugar.
Você sempre volta querido...
Fica para me amar.
-.-
Entra, senta-te
Meu coração
Estava a te esperar.
Volta amor, aqui é teu lugar
-.-
Não adianta dizer adeus
Um dia dirá:cheguei...
E neste dia amor, ouvirá:
Sempre te esperei
Porque aqui, aqui é teu lugar...
.
-.-.-.-.-.-.-.-.-.--.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.






Postado por Teresa Cordioli às 7:53 PM
 




Só para mim...

Cante uma canção só para mim...
Preciso ouvir tua voz em sintonia
Na letra da musica toda a alegria
Que fala do amor que não tem fim

E em seu corpo de homem, magia...
na tez de sua pele cor de carmim
trás cheiro de flores, és o jasmim

se eu tivesse você, loucura seria
cante amor, cante só para mim
cante uma canção que não tenha fim






Postado por Teresa Cordioli às 5:27 PM
 

Para ser feliz é preciso...

Para ser feliz é preciso:
Amar a Deus em primeiro lugar,
Aprender a perdoar e agradecer,
Acreditar em si e compartilhar,
Não ter medo de nada,
Nem de sorrir nem de chorar,
de partir, ou voltar.
Para “eu”ser feliz...
Corro atrás de meus sonhos,
Por mais distantes que os vejo
Não desisto, corro riscos.
Sigo sempre meu caminho
Mesmo que nele encontre espinhos
Para eu ser feliz...
Não importa quanto tempo passe,
Eu envelheço, jovem
Sabendo que o tempo é eterno
E que o amor dura para sempre
(Para ser "eu" feliz preciso...
Simplesmente te amar)

Teresa Cordioli






Postado por Teresa Cordioli às 5:20 PM
 

AMAR AMOR
Amar é tudo,
Ser amada também
Amar sempre, Amar muito
Te amar meu bem
Teu beijo é doce
Teu abraço suave
Tua pele é macia
Teu cheiro é bom...
Meu coração carente
Foi aquecido por ti
Meu corpo esquecido
Foi redescoberto por ti.
Teresa Cordioli






Postado por Teresa Cordioli às 5:11 PM
 


AS TUAS PALAVRAS
.
Pense antes de falar comigo.
Mas não demore a me responder
Fico tremula a te esperar
Com suas palavras a me elogiar....
Palavras e palavras,
são ditas ao vento a todo momento...
São palavras escritas, faladas, gritadas,
e até cantadas...
Mas, as suas palavras...
São por mim, as mais esperadas...
Apenas elas me dão o contento.
Falsas ou Verdadeiras?E daí?
São meus alentos, alentos do momento...
Eu não acredito no que me diz...aceito
Apenas as aceito para abrandar meu peito
Quando diz: este beijo que te dou
É o maior e melhor do mundo, ah! vou fundo...
Acredito estar beijando você...
você me abraçando.
E em meus ouvidos, falando...
palavras de amor.
Venha e me diga novamente,
suas palavras...
Só para eu ficar contente
E mostrar em meu sorriso seus beijos....
Teresa Cordioli.






Postado por Teresa Cordioli às 5:04 PM
 



SONETO DE UMA PEDINTE,
Quando não ouço tua voz, quero te ler, quero sentir
no sabor das palavras, o que teu coração me diz,
talvez por eu ser ainda aprendiz, não sei decifrar ao
longe as palavras que matam a sede de minh’alma
.
que ainda sofre por ti. Te pedi apenas, não implorei
em preces seu poema. Sou simplesmente uma poeta,
romântica, que te quer em versos. Porque o amor é
maior que as águas do mar, que divide dois corpos
.
Que perdidos em sentimentos alheios a normalidade
Esquecem-se da idade, de imediato perdem o pudor
Olhos nos olhos, diz bom dia, trocam palavras de amor.
.
Sei que me quer, diga-me, decifro-te em breve espaço.
Mesmo que não exista, quem? O espaço? Ou o amor?
Diga o que minha alma quer ouvir, de ti:... TE AMO!!!
.
Teresa Cordioli.






Postado por Teresa Cordioli às 10:31 AM
 




MUDANÇAS
Teresa Cordioli
.
Foi para longe o meu amor. Com isso sofri demais
Hoje vejo que não tem mais jeito. Tudo já foi feito
De ti não guardarei rancores, não te chamarei mais
Mesmo sabendo que é você que o guardo no peito
.
Sem ti não sorrirei, não lhe enviarei outros sinais
Não terá o prazer de ler e sentir poemas para ti feitos
Escrevi tudo que tinha que ser escrito. Nunca, Jamais
Voltarei a mencionar teu nome, como sendo meu eleito
.
Fico triste e choro, por não encontrar-me em teu peito
Sei que de ti, correm águas que não vão para o mar
De tão escassas, ficam fracas, secam-se em seu leito
.
Terra Arida, rio seco? Talvez necessite mudar o eito
Para ler o feito, talvez ainda hoje ou nunca mais,
Falarei da dor, do amor, da chuva, [chuva? suspeito]






Postado por Teresa Cordioli às 4:48 PM
 



Florecer do Amor

Teresa Cordioli



Era um dia de outono, depois de uma chuva, um jardineiro com muito cuidado semeou uma semente em um imenso jardim, e exatamente no dia 20 de abril esta semente germinou, nascendo assim uma linda Flor, e esta foi crescendo, crescendo tomando formato e suas pétalas pareciam um veludo de tanto primor. Todos que passavam por este jardim, não passavam em vão, paravam para observar a beleza da Flor, admiravam, mas ninguém parava para cuidar desta linda Flor, até que um dia uma “Jovem” Senhora ao passar por este jardim lançou um olhar sobre aquela Flor, que lhe pareceu perdida ali naquele canteiro, tão linda tão meiga o que fazia ali?
A Flor ao ver a Jovem Senhora observá-la, foi logo lançando seu perfume no ar, e assim as duas: - uma com o olhar e a outra com seu perfume, comunicaram-se e foram se aproximando quando a Senhora lhe perguntou:
- Qual seu nome minha bela Flor?
Ela toda rubra lhe respondeu:
- “Teimosinha” é o meu nome minha Senhora, e o seu qual é o seu?
A senhora sorrindo lhe respondeu:
-Pode me chamar de mãe, simplesmente Mãezinha Flor de Amor Perfeito, e a você lhe darei o nome de Hortência tu tens a cor dos olhos de uma Deusa.
Assim esta linda Flor se encheu de sorriso e como num passe de mágica em “AMOR” se transformou...
AMOR, a partir deste dia foi tomando espaço no coração da Jovem Senhora, e esta feliz foi logo apresentando a Amor para família, que também passou a ama-la, beija-la, e desta apresentação nasceu uma linda história, a história do Anjo e da Flor... AMOR.
E como o AMOR é universal, foi se expandindo por todo canteiro da Flor de Amor Perfeito, atingindo toda ramagem, as coisas foram tomando tamanha proporção que as flores não conseguiram segurar, os ramos cresceram atingiram as mudas e o AMOR se expandiu...
O final desta história está longe de acontecer, devido a grande carga de amor que gerou entre “o perfume e o olhar” das flores “... aconteça o que acontecer, vendavais e tudo mais, este grande amor jamais será abalado, pois as raízes estão profundas e o AMOR que foi cultivado não será arrancado... apenas mais fortalecido: E hoje te digo com certeza: EU TE AMO... pequena e “de maior” FLOR”.


PARABÉNS...






Postado por Teresa Cordioli às 8:13 PM
 



Perfume de Hortência


Até as palavras mais lindas
emudecem frente à beleza
Dos serem que sabem ser belos
Por natureza

Ninguém é flor por mero acaso
Ninguém enfeita o nosso mundo
Ou deliciosamente o perfuma
Sem ir a fundo

teu olhar se abre em minh’alma
e te vislumbro com afeição
és flor e beija-flor, pequena,
filha amada do coração.


Célia Lima/Teresa Cordioli






Postado por Teresa Cordioli às 8:01 PM
 



ALQUIMIA DO AMOR
Teresa Cordioli & Nivaldo S. Santos
.
Mais que sonhos
são os versos
que te escrevo
em momentos incertos
de solidão.
São versos que
percorrem
nossos
sentimentos,
pelas
linhas
do
universo,
que
mergulhando
na imensidão
da vida
transformam-se em amor...
Parceria com meu amigo de velhos tempos... te adoro Ni...






Postado por Teresa Cordioli às 7:06 PM
 


NOVO SONHAR
.
Quero dividir com alguém meu futuro
Para esquecer meu passado
Nele eu procuro algo
Mas encontro apenas saudade...
Amanhã
Quero plantar jardins
E deles colher apenas flores...
As pragas queimarei em fogo
Da sarça não quero semente
Para que não renaça..
e venha me procurar apenas
Na hora de ser regada...
Quero ser amada somente...
Quero as flores,
Que me fazem sentir gente...
Quero alguém que queira
Dividir comigo, o futuro que sonhas...
E o amor que sente...
.
Teresa Cordioli...






Postado por Teresa Cordioli às 6:50 PM
 

A FLOR
Regiane Falcão

Era uma vez uma flor.Nasceu e permaneceu em um lindo jardim onde Deus a colocou, foi neste espaço crescendo e aprendendo viver.
Um dia apareceu um jardineiro que se encantou com a flor, a colheu e a transplantou em outro canteiro, com ela fez um acordo: em troca de cuidados e muito amor ela reproduziria mudas.E assim aconteceu. Ela foi crescendo...crescendo...amando, transformando na flor mais forte de tanto amor que o jardineiro lhe dedicava, e vieram as mudas. Orgulhosa ela e o jardineiro observavam e cuidavam das belas mudinhas, e o amor da flor e do jardineiro ficou mais forte, principalmente porque sabiam que tinham agora uma cumplicidade muito grande...E se amavam...E o jardineiro cuidava da flor, e ela se sentindo amada era totalmente feliz, como nem em sonho imaginou poder ser.
Mas quando nada parecia abalar aquele amor, um dia o jardineiro se foi...Não por vontade própria, mas se foi... Talvez semear outros canteiros em um lugar onde não sentisse mais dor, não houvesse mais tristezas...E deixou a flor só.Desesperada ela chegou aos limites do sofrimento, culpou o jardineiro, ele foi covarde, não podia deixa-la assim, chorou ate secar totalmente achava que sem ele não precisava mais viver. Mas um dia em meio a tanta aridez, ela olhou a seu lado, quase já sem forcas e viu que as mudinhas começavam a secar também, e se lembrou do amor do jardineiro, buscou forcas nas entranhas da terra...Lembrou-se do que ele disse – A partir de agora e com você, as mudinhas já tem vida própria, elas continuarão sem mim, mas você terá de protege-las com sua sombra e às vezes sustenta-las com suas raízes.E a flor começou a retornar a vida, agora sem o perfume e a beleza de antes, mas mais forte, mais integra...Tinha as mudinhas.E viveu pelas mudinhas por muito tempo.
Alguns jardineiros ate quiseram cuidar dela, para que voltasse a ter o perfume e a beleza de outrora, mas ela ainda amava o seu jardineiro.
Certo dia, Deus olhou para a flor e disse: - Você não esta fazendo tudo para o que eu te criei, você ira conhecer outro canteiro e com o tempo entendera porque a coloquei lá.
A flor não entendeu, mas devagar foi se adaptando ao canteiro que Deus a colocou, se sentiu útil...Estava mais feliz, sentia um pouco mais o calor do sol e o frescor do orvalho... Realmente estava mais feliz...Mas não entendia o que Deus queria dela.
Um dia avistou um homem, triste...Não era jardineiro...Era um homem triste. Talvez a vida o tenha feito esquecer que ele poderia ser um jardineiro...Ele era somente um homem triste.
A flor com o tempo entendeu o que Deus queria dizer quando a apresentou ao novo canteiro.
Mas o homem triste não a via, ele olhava as estrelas...Ele queria as estrelas...Longínquas, frias, inacessíveis, distantes.
A flor queria que o homem triste voltasse a sorrir, afinal Deus também queria, por isso a tinha colocado ali.Então começou a exalar seu perfume, timidamente, quem sabe o homem triste quando fosse adorar as estrelas ao passar pelo canteiro sentisse o seu perfume e a olhasse...Mas o homem triste queria as estrelas, frias, não tinha tempo para observar a flor.
A flor voltou a ter cor e aumentou seu perfume e um dia o homem triste a viu no meio do canteiro, ate notou que ela poderia estar lá para que ele fosse novamente mais feliz.Então às vezes quando ia ver as estrelas parava, falava com ela, mas prosseguia, e dois passos depois do canteiro ele já a tinha esquecido... Era só uma flor.
O homem triste nunca colocou uma gota de água ou um pouquinho adubo pra que a flor se fortalecesse...E a flor foi perdendo o encanto e o perfume novamente, mas tinha suas mudinhas e isso e o que a mantinha viva.
Mas flor se sentia muito só, às vezes sentia sua alma de flor gelada como a morte...Saudades do jardineiro...Tristeza e impotência por não poder fazer nada pelo homem triste.
O homem triste também tinha suas mudinhas...Um dia ele perdeu uma delas...E ficou muito, muito mais triste. A flor observava de longe o homem triste se acabando em dor e desespero...Mas de longe...A dor era dele e ele não compartilhava com a flor.Nem as estrelas ele mais ia ver.E era esse o único momento que a flor o via, e às vezes falava com ele.Restou a ela pedir a Deus que cuidasse dele...Ela não sabia como faze-lo. E a flor ao ver tanta dor também foi ficando triste...E veio o inverno e a flor achou que tinha desistido de viver, que este seria seu ultimo inverno, não mais veria a primavera.
Mas de repente um jardineiro amigo apareceu e disse a flor. _Há muito tempo te observo, flor, acompanhei toda a sua historia e sei que hoje você precisa ser
cuidada e isso o que vou fazer. Não te peco nada em troca, só quero você bela e perfumada como era...Eu conheço seu perfume...Sei que ele faz bem a muitas pessoas e elas precisam de você.E o jardineiro amigo cuidou da flor e ela renasceu das cinzas como Fênix.
Olhou em volta e viu suas mudinhas, belas, cheirosas, cumprindo a missão a elas designadas por Deus, as vezes emprestando suas sombras e raízes para flor voltar a vida.

De repente a flor olhou para o lado e viu novamente o homem triste e entendeu que sua missão não havia acabado.Ele voltou a namorar as estrelas...Ela aprendeu a compartilhar a beleza delas também. Mas de vez em quando ele conversa com ela, ate joga um pouco de água, mas depois continua seu devaneio...Olhando as estrelas.
E a flor...A flor se resignou a cumprir o que Deus lhe designou...Sofre menos...Mas não perdeu as esperanças,...
Um dia quem sabe...O homem triste a veja de forma diferente e entenda o que Deus quis que acontecesse...Ou talvez não...Talvez ela se junte ao seu jardineiro e se torne uma estrela e lá de cima possa iluminar e alegrar a vida do homem triste.

Regiane Falcão

Obrigada Regiane, amei ter você aqui no meu canto, por no meu coração ja faz tempo que habitas, obrigada por tudo que já fez por mim, e v~e se continua a sonhar e escrever, como lhe disse é um vício....rsrsrsr beijos seja feliz...






Postado por Teresa Cordioli às 5:58 PM
 




Amado!!!
.
(Andrea Schettini)
.
Amado de minhas horas
Escuta o som de meu coração apertado
pela distância que aparta nossos corpos
como um castigo do jogo da vida...
Sente o meu sopro,
algo como a força de meu respirar,
e deleite se com o frio na minha espinha...
Joga no mar todas aquelas
velhas dorese venha comigo
ao paraíso do meu amor...
Senta ao meu lado...
Aspire meu ar,
e nas palavras mudas
beija meus lábios...
Fica assim...
Com tua alma junto a mim...
Não esperes mais nada,
apenas que eu seja
tua eterna Amada.-
.
Menina, filha que ganhei, obrigada, esta é a palvra que eu tenho para lhe dizer.
Te amoooooooooooooooooo....






Postado por Teresa Cordioli às 3:20 PM
 

EM SILÊNCIO E EM COMUNHÃO
Teresa Cordioli & Célia Lima
.
Acendo a alma pra dizer adeus
A tudo aquilo que corrói por dentro
No desafio de voltar ao centro
E no meu templo religar-me a DEUS

E no anseio de reintegrar meus eus
Fragmentados por vícios adentro
Deixo a alma ser, aflorar ao vento
Ascender aos céus dos valores meus

Desse elo com DEUS alimento-me
Dispo-me do passado e reinvento-me
Sem pudor, sem dogmas, sem véus

Em reclusão momentânea eu alcanço
A fé que me abastece, e o Seu remanso
Devolve-me a vida e me deixa os Céus
.
Em parceria com amiga FLOR.






Postado por Teresa Cordioli às 3:08 PM
 

<body><!-- --><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a>=form id="b-search" action="http://www.google.com/search"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="q"><input type="hidden" name="ie" value="UTF-8"><input type="hidden" name="sitesearch" value="largadoemguarapari.blogspot.com"><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_search.gif" alt="Search" value="Search" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google"><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} --></script><div id="space-for-ie"></div><!-- --><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a><form id="b-search" action="http://www.google.com/search"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="q"><input type="hidden" name="sitesearch" value="largadoemguarapari.blogspot.com"><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_search.gif" alt="Search" value="Search" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google"><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} --></script><div id="space-for-ie"></div>