<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d17907059\x26blogName\x3dVerso+e+Prosa\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dTAN\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://versos-prosa.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://versos-prosa.blogspot.com/\x26vt\x3d-6484013593909643845', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script><!-- --><div id="flagi" style="visibility:hidden; position:absolute;" onmouseover="showDrop()" onmouseout="hideDrop()"><div id="flagtop"></div><div id="top-filler"></div><div id="flagi-body">Notify Blogger about objectionable content.<br /><a href="http://help.blogger.com/bin/answer.py?answer=1200"> What does this mean? </a> </div></div><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a><form id="b-search" name="b-search" action="http://search.blogger.com/"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a id="flagButton" style="display:none;" href="javascript:toggleFlag();" onmouseover="showDrop()" onmouseout="hideDrop()"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/flag.gif" name="flag" alt="Flag Blog" width="55" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="as_q" /><input type="hidden" name="ie" value="ISO-8859-1" /><input type="hidden" name="ui" value="blg" /><input type="hidden" name="bl_url" value="alemdaspalavras.blogspot.com" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_search_this.gif" alt="Search This Blog" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google Blog Search" onclick="document.forms['b-search'].bl_url.value='alemdaspalavras.blogspot.com'" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/2/btn_search_all.gif" alt="Search All Blogs" value="Search" id="b-searchallbtn" title="Search all blogs with Google Blog Search" onclick="document.forms['b-search'].bl_url.value=''" /><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- var ID = 15148318;var HATE_INTERSTITIAL_COOKIE_NAME = 'dismissedInterstitial';var FLAG_COOKIE_NAME = 'flaggedBlog';var FLAG_BLOG_URL = 'http://www.blogger.com/flag-blog.g?nav=2&toFlag=' + ID;var UNFLAG_BLOG_URL = 'http://www.blogger.com/unflag-blog.g?nav=2&toFlag=' + ID;var FLAG_IMAGE_URL = 'http://www.blogger.com/img/navbar/2/flag.gif';var UNFLAG_IMAGE_URL = 'http://www.blogger.com/img/navbar/2/unflag.gif';var ncHasFlagged = false;var servletTarget = new Image(); function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} function blogspotInit() {initFlag();} function hasFlagged() {return getCookie(FLAG_COOKIE_NAME) || ncHasFlagged;} function toggleFlag() {var date = new Date();var id = 15148318;if (hasFlagged()) {removeCookie(FLAG_COOKIE_NAME);servletTarget.src = UNFLAG_BLOG_URL + '&d=' + date.getTime();document.images['flag'].src = FLAG_IMAGE_URL;ncHasFlagged = false;} else { setBlogspotCookie(FLAG_COOKIE_NAME, 'true');servletTarget.src = FLAG_BLOG_URL + '&d=' + date.getTime();document.images['flag'].src = UNFLAG_IMAGE_URL;ncHasFlagged = true;}} function initFlag() {document.getElementById('flagButton').style.display = 'inline';if (hasFlagged()) {document.images['flag'].src = UNFLAG_IMAGE_URL;} else {document.images['flag'].src = FLAG_IMAGE_URL;}} function showDrop() {if (!hasFlagged()) {document.getElementById('flagi').style.visibility = 'visible';}} function hideDrop() {document.getElementById('flagi').style.visibility = 'hidden';} function setBlogspotCookie(name, val) {var expire = new Date((new Date()).getTime() + 5 * 24 * 60 * 60 * 1000);var path = '/';setCookie(name, val, null, expire, path, null);} function removeCookie(name){var expire = new Date((new Date()).getTime() - 1000); setCookie(name,'',null,expire,'/',null);} --></script><script type="text/javascript"> blogspotInit();</script><div id="space-for-ie"></div>
Verso e Prosa: Maio 2006

Aguardem...
Livro de Teresa Cordioli

 

Nome: Teresa Cordioli

 

E-mail: teresacordioli@poetic.com

Signo: Escorpião

Data de Nasc.: 15-11

Cor Preferida: Azul/amarelo

Uma Pedra: Ametista

Comida: Massas /peixes/arroz e feijão....

Hobby: escrever/pintar

Detesta:
Falsidade, Cinismo e Mentira

Adora: Verdade

Religião: Cristã

Uma Preocupação
: Muitas

Uma Saudade:
  Todas


Regra da Vida: " Fazer o que a mim compete, e o que compete aos outros se necessário ajuda-los"

Um Amigo: Meus filhos...

Uma mania: Preocupar-se sem necessidade

Uma Frase: " Te amo "

Descontração: Contemplar o pôr do Sol, ou o nascer da Lua.... contar estrelas...ouvir o  canto dos pássaros, flores....uma boa música....

Uma Lembrança: (4) o nascimento de meus filhos e de meu amor.....

Um Sonho: Aquele que eu ainda não sonhei....

Biografia: três filhos e duas netas.....

Sou muito alegre, divertida e amiga, sou apaixonada por DEUS, e pelo meu JESUS, sou conhecida como uma mulher de muita Fé. E sou....
Esse meu jeito de quem enfeita a vida em seu trajeto, de quem aceita a todos no peito aberto, é verdadeiro. É o jeito de quem aprendeu a amar bem cedo e a conhecer Deus em cada trejeito. Sou assim, essa que não sabe passar em vão pelos irmãos em vida, pois sabe que da vida nada mais se leva do que o que se viveu. Sou essa mulher sensível e também de coragem e força, que dá e cobra respeito, valor fundamental e tão esquecido, ignorado nesses dias.
Bacharel em Direito pela Universidade Metodista de Piracicaba, UNIMEP, em julho de 2004, e posso com certeza afirmar que esta foi a melhor poesia que escrevi na minha vida.

Participação em vários livros... mas nenhum que posso chama-lo de meu...

O resto está escrito em minhas poesias....
 



E-mail






Sergio Endrigo - Teresa


 Reloginho




 Link Me
 







 Blogs Amigos

Teresa Cordioli

Blog
Blog
Blog
Blog
Blog
Blog


 Passado


 

Créditos





Lindo olhar

Não posso mais esperar...

O tempo urge, não quer parar.

Olho e não te vejo chegar...

Não posso mais esperar.

-.-.-

Por que me olhas assim,

Se não quer se declarar?

Quando toca em minhas mãos

Sinto-te querendo me abraçar.

-.-.-

Não posso mais esperar...

Meu coração chora ao se encontrar

No verde dos olhos que só sei amar.

-.-.-

Minhas palavras te chamam

E as tuas em resposta me inflamam.

Eu continuarei em teu olhar.

.






Postado por Teresa Cordioli às 9:10 PM
 


SAUDADES...

-.-.-.-

As gotas de orvalho entre as pétalas da Flor...

São lágrimas que rolam, pela dor da saudade...

Saudade de seu amor, que voou nas asas de um Beija Flor

.






Postado por Teresa Cordioli às 9:02 PM
 



EM MEUS LÁBIOS
-.-
Falo do que vejo, a ti não minto.
Oxalá possas entender, simplesmente,
Que toda mulher fala o que sente,
Mesmo que o assunto seja sucinto.
-.-
Não fui conduzida pelo instinto;
Em minha verdade permaneço sempre.
Dá-me prova de que não mentes
E provar-te-ei como vinho tinto.
-.-
Na degustação, quero saborear-te.
Entre gole e outro quero intervalo,
Tendo-te em meus lábios enquanto[provado.]
-.-
Prova terei, assim, do teu sabor.
E darei a ti teu verdadeiro valor
Se a mim entregares teu amor.

-.-






Postado por Teresa Cordioli às 4:00 PM
 




CURA PELA POESIA

Claudio Henrique Rocha Bartels

-.-.-.-
Meu coração machucado
reclama sem parar
bate acelerado
querendo a cura encontrar

-.-.-.-.-


Tanto clama por ajuda
que me obrigou a procurar
alguém que o acuda
e entenda da dor de amar

-.-.-.-.-


Entrei num hospital diferente
Com cores suaves da paz
fui atendido por Silmara
Feliz e sorridente:
-Bem vindo, estas no lugar certo,
entre no corredor e siga enfrente.

-.-.-.-.-


Caminhei entre paredes decoradas
com nuvens, pássaros e flores
parecia estar numa nave
Entrei na sala dos amores
ao ouvir uma música suave.

-.-.-.-.-


Quem me atendeu foi Will
simpático e prestativo
me deitou em leito branco
colocou-se a minha cabeceira
com perguntas sobre o meu pranto

-.-.-.-.-


Após ter feito a análise
explicou que tudo vinha da mente
que atordoa o coração
cravando-o de chagas
privando-o da emoção

-.-.-.-.-


- O seu caso vamos resolver
mas são dores de outra vidas
e preciso a outros recorrer
para curar suas feridas

-.-.-.-.-


-Neste caso vou precisar
de alguém que te console
não há ninguém melhor neste lugar
que a Tereza Cordioli.

-.-.-.-


Logo veio aquela figura
com olhos de experiência
sentou-se ao meu lado
e me leu com paciência

-.-.-.-.-


- O will está certo
tens chagas no coração
vou precisar de anestesia
para reconstituir a emoção

-.-.-.-


E foi nas mãos de Tereza
que minha cura encontrei
quando aplicou a anestesia
com uma seringa de magia
repleta de boa poesia.

-.-.-.-.-


Sou sempre muito grato
por tanto carinho recebido
aos mestres da arte de curar
os corações dos aflitos
com seus versos a poetar

-.-.-.-


Claudio Henrique Rocha Bartels -

medico, mineiro - homem amigo que aprendi a amar.






Postado por Teresa Cordioli às 10:10 PM
 


Fora de moda...
-.-.-.-
Quando tenho teus olhos nos meus
Sinto-me forte, dona do poder e da magia...
Seu olhar profundo, neste momento
Torna-te o único no mundo.
-.-.-.-.
E quando me esqueço em ti, tua boca em minha boca
na loucura de nossos corpos,
São longos os momentos de emoção
Nossos desejos se fundem no calor...
-.-.-.-
de nossos corpos, aquecidos pelos beijos
Este é todo meu desejo
Mesmo sendo fora de moda, te amo
E digo, quer namorar comigo?
-.-.-.-






Postado por Teresa Cordioli às 6:50 AM
 





Por favor, não me acorde...
-.-.-.
Solidão sem fim, e nesta solidão sou inútil
Só penso em você...nesta noite que começa
São horas que não passam, que espero...
Até me amedrontam, como se me fosse apresentado,
um caminho escuro, sem nunca ter sido pisado...
-.-.-.-.-
O medo me corroe a alma
Enquanto lá no horizonte o sol se põe
Deixando no céu um semblante triste de despedida
Fecho os olhos para não lhe dizer adeus...
Lágrimas caem de meu rosto
-.-.-.-
Amanhã saberei o tamanho deste túnel
Só não direi os detalhes, tudo está muito escuro...
Ouço vozes que me alertam, será sua voz?
Estou sonhando, por favor, não me acorde...
Deixe a escuridão passar.

-.-.-.-






Postado por Teresa Cordioli às 6:45 AM
 



Um silêncio chamado paz

Este silêncio que invadiu meu coração,
Foi o silencio de uma grande paixão
Que durante anos, teimosamente
Quis aqui neste peito fazer morada,
hora desgastada, enfim foi despejada

Este silêncio chama-se paz...
Sentimento esperado, entre tantos anos
Que se passaram derramando lagrimas
Que não me levaram a nada...
Apenas te amar, e ouvir que seria amada.

Amor é sentimento profundo.
Amor faz sua alma desarmada...
Sorrir, e não chorar...
Esperar e encontrar...Amar e ser amada

um desabafo, escrito em dois minutos....







Postado por Teresa Cordioli às 6:41 PM
 



O beijo da flor
-.-.-.-
És apenas, mais um solitário beija-flor
Que entre brumas e folhas, faz seu ninho
De todos ele se esconde, menos do amor
Este que o acompanha, não o deixa sozinho
-.-.-.-
Com carinho espera seu grande amor
Não chega só, em seu bico fios de linho
Para transformar as noites frias em calor
Nas mãos, trás apenas: liberdade e carinho
-.-.-.-
Cumprindo o destino, o inevitável acontece
Em pleno inverno, os corações se aquecem
E entre a rosa e o néctar, o amor floresce
-.-.-.-
Enquanto no ninho, seu fio de linho ela tece
Ele pensa no amor este que hora lhe apetece
Ao beijar a flor, o verdadeiro amor conhece
-.-.-.-
escrito em 13/05/06...






Postado por Teresa Cordioli às 6:31 PM
 




Quando coração chora

Faz tanto tempo
Que não faço poesias
Tudo que faço agora
É apenas fantasia

Depois que foi embora
Minhas palavras se apagaram
Não sei escrever
Quando coração chora

Faz tanto tempo
Que não faço poesia
Tudo que escrevo agora
É alegoria

Faz tempo que partiu
De onde nunca chegou
Ou fui eu quem voltei
De onde nunca fui...

Faz tanto tempo
Que não faço poesia
Tudo que direi agora ,
Que te amei, te amei, te amei....
Foram minhas poesias...






Postado por Teresa Cordioli às 3:31 PM
 








Maria e a Flor...

Em um dia qualquer passeava por entre espinhos sem reconhece-los como tal, Maria andava, cantarolava, pouco sabia onde pisava, nem queria saber o que os outros falavam...Maria cantava, cantarolava, muitos a cantavam, Maria se passava por surda continuava a cantarolar, até que (hoje uma bela FLOR) antes apenas mais uma no jardim, tal qual era Maria,... foi se achegando e logo dizendo:
- Tu, não é Maria não, é FLOR,
Maria chorou, chorou, porque apenas cantarolava era tão simples; como poderia ser FLOR, o tempo foi passando, e Maria se acostumando com a idéia de ser chamada de Flor, com a chegada da primavera o rosto de Maria foi se iluminando, que ao se encher de brilho, pensou: - Sou Flor... Mas que FLOR sou eu? Sou FLOR de primavera?
Em seu coração logo veio a resposta:
- Quero ser a própria primavera, aquela que floresce o ano todo, não saberei ser flor de estação, florescendo mês sim, mês não...
E olhando para quem lhe chamou de FLOR disse-lhe: Sou FLOR de Primavera e você doce criatura que flor é? Posso lhe chamar de FLOR de Maracujá? Esta assustada lhe respondeu: - Porque me chama de FLOR de Maracujá?
Sabiamente Primavera disse:
- Porque? Por ser a flor mais perfeita da natureza, tem a beleza de todas...Ela foi regada pelo sangue de Jesus quando estava na Cruz, nunca viu esta história não? Assim ela foi eleita a FLOR mais perfeita.
Primavera e Maracujá, pareciam ter nascido no mesmo ramo, também tinham o mesmo brilho até o mesmo sorriso...o sorriso do kkkkkkkkkkkkkk
A partir deste encontro aquele canteiro não foi mais o mesmo, até o Jardineiro mudou, o perfume o cantarolar das flores se aperfeiçoaram, até dupla formaram.
Com o passar dos versos, primavera entre elas se achou, descobriu que era a pequena e linda Flor-de-Amor-Perfeito, e Maracujá, foi logo dizendo também, Flor, meu nome mudou, sou a Margarida... assim a dupla de “Flores e Poesia” acharam que de alegrias neste canteiro eternamente viveriam. Ledo engano...Chamaram atenção, dos beija-flores, bem-te-vis e até Sabiá...Sabia?
Só não sabiam que tanto riso se transformaria em lagrimas. No canteiro nasceu flor de todo lado...O ciúme fez presença presente, como erva daninha foi sufocando a Flor de Amor Perfeito, que precisou ser transportada para lugar...
Flor-de-Amor-Perfeito, andava muito triste, então Florzinha Hortencia, tão linda Flor, que por este canteiro um dia passou, foi quem lhe presenteou...ganhou uma casa tão linda, grande só para ela, uma casa, duas casas... e ja esta a caminho de ganhar a terceira...
Amor-Perfeito jura estar feliz noutro lugar, conseguiu levar consigo: Margarida, Beija-Flor, Bem-te-Vi, e outros mais... Hortencia vai todos os dias visita-la...
Encontraram aqui neste novo canteiro pessoas lindas inteligentes, todos normais...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
...............
nesta historia só não contei o triste fim de Maria...... ela amou tanto tadinha...






Postado por Teresa Cordioli às 5:40 PM
 

O tempo não para
O tempo não para.
Por mais que eu durma,
por mais que eu grite,
que eu corra, que eu morra,
o tempo não para.
.
As horas voam e não voltam.
Do tempo da juventude,
guardo lembranças.
Passam-se os dias,
passam-se os meses,
o tempo é tão breve que parece voar.
.
E na corrida do tempo,
minha memória sai em buscada minha história,
que no tempo guardei..
Ele é eterno
Mas,nele não cabe
todo amor que sinto por você.
.






Postado por Teresa Cordioli às 5:17 PM
 



MENSAGEIRO
Hoje acordei feliz
Pássaros cantavam em minha janela
Foi lindo o amanhecer...
Vi minhas lágrimas refletidas
No espelho d’agua de meu jardim...
Chorei sim, chorei de alegria
Quando um colibri voou
Voou bem perto de mim...
E beijou-me o rosto com suas asas

Pensei em você
Quando tomei o beija-flor em minhas mãos...
Curiosa perguntei: Quem aqui te enviou...
Sorrindo respondeu, foi o jardineiro,
Para eu cuidar de uma flor.
Olhei para as rosas
Que ali quietas estavam
Sorriram para mim
Sabiam que era de mim que ele falava.
A resposta eu já sabia
A mensagem em meu coração estava

Quando deparei-me com tão belo céu
Misturado ao canto dos pássaros
Quis ser o jardim
Mas não pude dar mais nem um passo.
Fiquei ali parada
Com um beija flor me olhando
Parecia mais Hipnotizando
Enquanto declamava uma poesia
Na mais linda forma de declaração de amor

Percebi que eu não mais falava
De alegria muda tinha ficado
De minha boca uma resposta esperando
O beija flor já quase chorando
Sabendo que de meus lábios
Não ouviria...
No meu peito então encostou
Ouvindo o pulsar do meu coração
Em disparada
Voou, voou, voou, minha resposta levou...
Será que o jardineiro entendeu
A resposta que foi com o beija-flor?






Postado por Teresa Cordioli às 7:18 PM
 

A espera de você...

Dormi tua voz calma.
Sonhei teu corpo esperado
Acordei a saudade mais pura...
Amanhã...Tudo pode vir com você...

Hoje...
Quero apenas aguardar,
Novamente o teu chegar
trazendo consigo,
teu sorriso abastado!

Atraia-me,
Com tuas palavras de carinho.
Proporciona-me prazer...
quando chama pelo meu corpo
que vive sozinho...

A noite...
chega lenta e fria,
trás consigo apenas
Tua voz, teu corpo, tua magia...
É tudo que necessito
para sonhar contigo mais uma vez...







Postado por Teresa Cordioli às 9:12 AM
 




Só para mim...

Cante uma canção só para mim...
Preciso ouvir tua voz em sintonia
Na letra da musica toda a alegria
Que fala do amor que não tem fim

E em seu corpo de homem, magia...
na tez de sua pele cor de carmim
trás cheiro de flores, és o jasmim

se eu tivesse você, loucura seria
cante amor, cante só para mim
cante uma canção que não tenha fim






Postado por Teresa Cordioli às 10:07 PM
 

NOVO AMOR
Aprendi a te amar desde muito cedo
Amei de peito aberto, sem medo.
Hoje escrevo o que vivi, te amei!
Chorei, mas nunca senti que errei.

Amei tanto que não meço quanto
Foram longos dias dos meus prantos
De lagrimas que até hoje já chorei
Nos anos e anos que te esperei...

Te amei, como ninguém te amou!
Te esperei como ninguém te esperou
Amor, nosso longo tempo acabou.

Nunca ame um homem que mente
Para do amor não ficar descrente...
E um novo amor amar... novamente!







Postado por Teresa Cordioli às 9:56 PM
 


FLOR NA BERLINDA...

Queria ficar calada

Por sentir-se amada...

Mas na atual circunstância

Falar estou sendo obrigada.

Flor quando chega

Tímida e desarmada

Torna-se presa fácil

Ao beija-flor apaixonado

Flor também se assusta

Mesmo com o que é esperado

Fala o que NÃO pensa

O que pensa, fica guardado

Flor invade corações?

Não... de flor é que foi tomado...

Se denunciarem, flor não se importa

Quer mesmo ser enquadrada (no amor)

Flor foi chamada de posseira

Por ter tomado um coração

Não quer perder a “brincadeira”

Mesmo que o nome “dela” seja paixão.

Flor agradece o adubo que lhe dão

E a água que lhe molham o chão

Dará assim frutos e deles muitos grãos

Para replantar amor em seu coração...

Esse também é meu coração apaixonado

Que sofre de solidão...

Não volúvel, porém...

Gostou de sua conquista

-.-






Postado por Teresa Cordioli às 9:51 PM
 

Encontrei você...

Encontrei você
Onde nada existia
De onde todos fugiam
Meu remanso chegou
-.-
Encontrei você
Como águas tranqüilas
Descendo o rio, te vi chegar
Como um mar de ternura
-.-
Encontrei você
Nova dimensão de amor
Aqui tudo é novo
Morrendo o ódio,
nasceu o amor
-.-
Encontrei você
Onde posso sorrir e posso chorar
Posso correr e ir devagar
Na certeza de lá chegar
-.-
Encontrei você
Nasceu esperança
Brilhou a lembrança
De um novoViver.....


-.-

Teresa CordioliEscrito em: 07/04/2005






Postado por Teresa Cordioli às 9:46 PM
 

<body><!-- --><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a>=form id="b-search" action="http://www.google.com/search"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="q"><input type="hidden" name="ie" value="UTF-8"><input type="hidden" name="sitesearch" value="largadoemguarapari.blogspot.com"><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_search.gif" alt="Search" value="Search" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google"><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} --></script><div id="space-for-ie"></div><!-- --><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a><form id="b-search" action="http://www.google.com/search"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="q"><input type="hidden" name="sitesearch" value="largadoemguarapari.blogspot.com"><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_search.gif" alt="Search" value="Search" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google"><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} --></script><div id="space-for-ie"></div>